Buscar

Atrás dos olhos

De quando encontram os olhos... Olhos que insistem em olhar. Atrevem-se a ser vistos por outros olhos. Arriscam-se em atravessar as margens dos Eu´s. Em direção do outro. Outra existência. Outras diversas existências.

Existe! Resiste! Persistir em olhar. Estar. Relacionar. Percorrer os caminhos e chegar. Ao chegar, precisa-se entrar com muita calma. Trata-se da alma... Do coração de outro alguém. Um caminho cheio de emoções e situações diversas, etéreas e efêmeras. Sentidos característicos da humanidade.

Existe! Persiste! Existe humanidade! Vida! Pode pulsar como uma bateria de samba. Pode pulsar como um relógio quase sem bateria. Mas está lá. A luz que vazam os olhos eu penso ser vida. Razão, emoção, história, tempo, culturas enraizadas, misturadas. Sentidos postos em verbos, atos expressos ao olhar. Surpreende-se a cada encontro.

Renova-se no outro... Eis o presente... Entregue através do encontro!

Texto escrito pelo Dr. Marmita Quentinha. Para ler mais como estes acesse o nosso site!

Foto: Christiano Senna

#PraTodosVerem: Uma foto dos Drs. Durval e Marmita conversando com um idoso.