Buscar

Metamorfose



A lagarta nasce lagarta, cresce lagarta, vive como lagarta e depois de muito experimentar os pés no chão, a terra fofa, a temperatura e o contato com o solo, decide se fechar em si mesma e vira um casulo. Tempos depois, ela transformada por tudo que viveu e aprendeu, renasce como uma borboleta e ganha os céus, para experimentar a vida por outro ponto de vista. Em outro lugar, longe do chão.


Eu, Doutora Brisa, nasci palhaça, cresci médica, vivi como integrante do Instituto Hahaha, experimentei belos encontros, construções diárias de afeto e respeito com profunda gratidão por tudo vivido e por todos no caminho. A partir de agora, viro um casulo para experimentar a besteirologia por outro ponto de vista. Em outro lugar, longe de Belo Horizonte.


Vou virar borboleta e voar pra outra cidade. Para um outro hospital. De amor. Para um outro projeto. Deixo muito de mim e levo um outro tanto daqui.

Hahaha, muito amor por tudo e por todos! Sou vocês, sou com vocês. Sempre! Estou logo ali. Ao alcance das asas!


Voa Brisa!

Vou!